Caminhoneiro é preso por falsa comunicação de crime e apropriação indébita, em Água Clara

736
visualizações

Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um motorista de caminhão que mentiu sobre um roubo para ficar com dinheiro da empresa que trabalhava, na tarde desta segunda-feira (29), em Água Clara (MS). 

Os policiais rodoviários federais fiscalizavam em frente a Unidade Operacional da PRF em Água Clara (MS), quando um motorista, de 38 anos, de um caminhão frigorífico parou e disse que havia sido assaltado na BR-262, por dois homens armados que estavam numa motocicleta, que eles acabaram levando seu celular pessoal além de R$ 3500,00 reais em espécie, valor entregue pela empresa ao motorista para o custeio da viagem.

Após utilizar o telefone da Unidade Operacional para comunicar a empresa sobre o roubo, o motorista começou a demonstrar nervosismo e dar informações contraditórias sobre a ocorrência. Na cabine do caminhão, o homem tentou utilizar um celular e esconder o aparelho em uma mochila quando a equipe se aproximou.

Durante busca veicular na cabine, os policiais localizaram o celular pessoal do condutor, que supostamente havia sido subtraído durante o assalto, além de aproximadamente R$ 3800,00 reais, sendo que a maior parte, cerca de R$ 2800,00, estavam ocultos na cabine dentro de uma peça de vestuário.

Questionado, o condutor acabou confessando que comunicou falsamente o crime de roubo para apropriar-se indevidamente do dinheiro fornecido pela empresa para custear a viagem.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil em Água Clara (MS).

Assessoria de Comunicação da PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui