Todo dia 21, a tristeza e a angustia tomam conta da casa de Jaqueline Castro, moradora de Água Clara

4739
visualizações

Nesta quarta-feira (21), faz exatamente um ano e três meses que Tiago Silva, morador de Água Clara, desapareceu e nunca mais se teve notícia de seu paradeiro. “Os dias 21 aqui em casa são sempre muito difíceis”, disse ao Fatos Regionais Jaqueline Castro, sua ex-esposa com quem tem dois filhos. “Dá uma angustia tão grande tudo isso; um nó na garganta”, confessou ela que, apesar de a polícia não ter nenhuma ideia do que possa ter acontecido, espera ainda obter um dia esta resposta.

“Vamos continuar buscando por resposta e justiça. A dor dos meus filhos a tristeza por não saber o que aconteceu incomoda demais o meu coração”, postou em uma rede social. 

Entenda

Quando desapareceu, Tiago estava residindo em uma das chácaras localizadas às margens do Rio Verde. Ele era muito amigo de Saulinho, cujo corpo foi encontrado dias antes sem vida embaixo da ponte do Rio Verde.

Antes de morrer, Saulinho havia dito que Tiago teria ido de barco para uma carvoaria. Desde então, não se teve mais notícias de Tiago, que estava trabalhando apenas com artesanato de madeira.

Da redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui