Mulher de 39 anos e morta a pedradas pelo irmão, que cortou pescoço da vítima com um serrote

5846
visualizações

Na noite desta sexta-feira (22), Renata Andrades de Campos Widal, 39 anos, foi vítima de feminicídio cometido pelo próprio irmão, 36 anos, na casa em que moravam no Jardim Centenário, em Campo Grande.

A vítima foi agredida a socos, sofreu pedradas no rosto e teve o pescoço cortado com um serrote. De acordo com o apurado, o autor agrediu a irmã a socos e, após ela desmaiar, a atingiu no rosto com uma pedra grande e cortou seu pescoço com o serrote, quase decapitando-a. O rosto da vítima ficou totalmente desfigurado.

O próprio irmão, que é usuário de drogas, chamou a polícia e, inicialmente, negou o crime, mesmo com as mãos sujas do sangue da irmã. Posteriormente, acabou confessando a autoria, sendo preso em flagrante. Renata trabalhava em casa com informática. Já o autor é usuário de drogas.

Da redação/Midiamax

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui