Em Três Lagoas, perícia conclui que filho matou a mãe e dirigiu 35 km com o corpo no carro

937
visualizações

Conforme conclusão da DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher) com apoio da delegacia de Polícia Civil de Andradina (SP), o jovem matou a mãe após uma discussão. O autor, que é usuário de drogas, foi visto no rancho, bastante alterado, discutindo com a mãe.

Uma testemunha disse a polícia que trafegava pela MS 320, que liga área rural onde eles estavam até a zona urbana de Três Lagoas. De acordo co eles, a vítima teria pedido por ajuda já que estava sendo agredida pelo filho. Simone tentou correr, mas o filho pegou ela e colocou dentro do veículo, logo após a testemunha viu o corpo da vítima caindo de dentro do carro.

O caso foi registrado como feminicídio e encaminhado ao Ministério Público e ao Poder Judiciário para julgamento.

Entenda o caso

Na noite do último dia 7, Simone do Nascimento Kuzminskas, 46 anos, foi morta pelo próprio filho de 25 anos na Avenida Filinto Muller, em Três Lagoas.

Por volta das 20h, o rapaz foi até a residência dos avós maternos, que fica no município de Andradina, no interior de São Paulo, para pedir socorro e com a mãe morta dentro do veículo modelo Chevrolet Onix. No local, o avô dele ficou assustado e retirou a filha do carro e tentou fazer massagem cardiorrespiratória, mas sem sucesso.

Da redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui