Guerreiro vai ao DNIT para tratar sobre o avanço das obras do contorno rodoviário

679
visualizações

O prefeito Angelo Guerreiro esteve em Campo Grande nesta quinta-feira, 11 de abril, para uma reunião crucial com o Superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Euro Nunes. O encontro teve como objetivo discutir estratégias e ações para o contorno rodoviário da cidade, visando melhorias significativas na infraestrutura viária local.

Acompanhando o prefeito, estavam presentes o Secretário de Infraestrutura, Transporte e Trânsito, Osmar Dias; a Secretária de Finanças, Receita e Controle, Soyla Garcia e o Diretor de Infraestrutura, Nelvio Henrique Ferreira. Juntos, eles delinearam medidas urgentes relacionadas ao projeto, cujo progresso está em ritmo acelerado.

Destacando a importância da qualidade da infraestrutura, o “calçamento” do contorno rodoviário será feito em concreto, um material reconhecido por sua durabilidade e menor necessidade de manutenção ao longo do tempo.

A previsão é que a primeira etapa das obras, que inclui a ligação entre a BR-158 e a BR-262, seja concluída até o final deste ano (2024). Essa conquista representará um avanço significativo para a cidade, melhorando a mobilidade e impulsionando o desenvolvimento local.

Angelo Guerreiro reafirmou o compromisso da administração municipal com o progresso e bem-estar da população, destacando a importância dessas ações para o futuro de Três Lagoas. “A próxima etapa do projeto será monitorada de perto pela Prefeitura, que continua empenhada em garantir que as obras sejam realizadas de forma eficiente e que atendam às necessidades da comunidade local”, enfatizou.

MAIS MELHORIAS

Angelo Guerreiro e sua equipe aproveitou para negociar melhoria para a Avenida Sobral, que liga a rotatória da saída para Campo Grande até a rotatória de acesso à Brasilândia. No pedido, além da reforma do pavimento, foi discutida a criação de acostamento e até mesmo calçadas. O superintendente do DNIT disse que vai avaliar a proposta, mas se comprometeu em atender na medida do possível.

OUTRO PEDIDO

Além disso, foi abordada a cedência das fresas, que consistem nas sobras do pavimento raspado das rodovias. Esses materiais serão destinados para reforçar e fortalecer algumas vias da região, contribuindo para a melhoria da malha viária local.

Assessoria de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui